Aberta consulta pública para concessão do Parque Nacional do Iguaçu

quarta-feira, 28 de abril de 2021 | Fronteira

Foi aberta nesta terça-feira (27/4) a consulta pública para a proposta de concessão do Parque Nacional do Iguaçu, em Foz. As concessões, agenda prioritária do Ministério do Meio Ambiente (MMA) e do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) visam potencializar a visitação nas unidades de conservação em todo país, contribuindo para o desenvolvimento econômico e ambiental nas regiões.

 

As propostas poderão ser apresentadas pela internet por meio do link: https://web.bndes.gov.br/pesquisa/index.php/838467

 

As concessões permitem que a iniciativa privada possa investir nos serviços de visitação das unidades de conservação, contribuindo com a proteção ambiental e impulsionando o turismo na região. Seguindo planos de manejo e normas definidas, o concessionário é responsável por executar, também, serviços de monitoramento, segurança e infraestrutura nos parques.

 

 

São esperados investimentos obrigatórios de mais de R$ 500 milhões em infraestrutura para a realização de projetos no parque e de R$ 3,6 bilhões em investimentos operacionais, gerando novas oportunidades de emprego e renda para a população do entorno.

 

 

Entre as propostas, que devem ser desenvolvidas no prazo de 5 anos, estão a estruturação de novos polos de visitação, um novo sistema de transporte, mais eficiente e sustentável, trilhas para pedestres e bicicletas, além de outras melhorias na infraestrutura. As medidas irão promover mais conforto, segurança e novos atrativos para os visitantes.

 

No Parque Nacional do Iguaçu se encontram as Cataratas do Iguaçu, principal atrativo de turistas para a região, registrando só em 2020 mais de 650 mil visitantes. Além disso, a unidade de conservação é moradia de várias espécies da biodiversidade brasileira, possibilitando a realização de pesquisas científicas e o desenvolvimento de atividades de educação ambiental e de turismo ecológico.

 



Fonte: Ministério do Meio Ambiente

Leia também

desenvolvido por goutnix.com.br