Cascavel, Londrina e cinco regionais terão quarentena restritiva

terça-feira, 30 de junho de 2020 | Paraná

O governo do Paraná anunciou nesta terça-feira (30) a adoção de uma quarentena mais restritiva para as regiões de Londrina, Cascavel, Cornélio Procópio, Cianorte, Toledo, Foz do Iguaçu e Região Metropolitana de Curitiba.

 

A quarentena será válida por 14 dias a partir de 1º de julho e afetará diversos setores da economia. "Restrições em especial do comércio", disse o governador Ratinho Junior, sem dar mais detalhes.

 

O anúncio das medidas é realizado neste momento em entrevista coletiva. Clique aqui para assistir.

 

Além do governador, participam da entrevista o secretário de Saúde Beto Preto e o diretor geral da Secretaria de Saúde Nestor Werner Junior.

 

O objetivo é aumentar o isolamento social e diminuir a circulação do vírus. A justificativa é o crescimento da curva de casos e mortes por coronavírus nessas regiões.

 

Segundo o secretário de Saúde Beto Preto, preocupa a falta de profissionais intensivistas e de medicamentos essenciais para entubar pacientes graves.

Em breve mais informações.



Fonte: TAROBA NEWS

Leia também

desenvolvido por goutnix.com.br