MP denuncia motorista que causou morte de jovem em acidente de trânsito em Realeza

quarta-feira, 24 de abril de 2019 | Policial

O Ministério Público do Paraná apresentou denúncia, já recebida pela Juízo da Vara Criminal de Realeza, no Sudoeste paranaense, contra um motorista de 24 anos responsável por acidente de trânsito que causou a morte de uma jovem e ferimentos graves em outras duas pessoas. A batida ocorreu em 1º de janeiro, por volta das 7 horas, na PR-182, no município de Realeza.

 

De acordo com a denúncia oferecida pela Promotoria de Justiça de Realeza, o motorista causador do acidente estava embriagado e conduzia seu veículo (uma caminhonete S-10) em alta velocidade, fazendo uso do aparelho celular, quando realizou ultrapassagem em local proibido. Na ultrapassagem, colidiu frontalmente com o carro ocupado pelas vítimas, que trafegava normalmente em sua via. O motorista causador do acidente ainda deixou o local sem prestar socorro as vítimas.

 

Crimes – O réu foi denunciado por um homicídio consumado e duas tentativas de homicídio, todos com dolo eventual (quando o agente assume o risco de produzir o resultado), e ainda pela fuga do local do acidente. Também foram denunciados o pai do motorista e sua namorada – o pai, por haver afirmado falsamente à polícia que era o condutor do veículo e por ter feito exame de bafômetro no lugar do filho, para que ele não fosse responsabilizado; a namorada do pai foi denunciada por falso testemunho, por ter mentido na Delegacia de Polícia.

 

O motorista causador do acidente teve a prisão decretada em 11 de janeiro de 2019, estando desde então foragido da Justiça. Caso acate a tese de dolo eventual, a Justiça poderá levar o acusado a julgamento por júri popular.



Relembre o caso:

Grave acidente com óbito é registrado no primeiro dia de 2019 em Realeza

Polícia Civil esclarece informações do acidente ocorrido no dia 1º de janeiro em Realeza



Fonte: MP-PR

Leia também

desenvolvido por goutnix.com.br