Prefeitura de Realeza pública nota e esclarece denúncias sobre supostos "fura-fila" na vacinação do município

quarta-feira, 09 de junho de 2021 | Realeza

A Secretaria de Saúde de Realeza vem a público esclarecer, que após denúncias de duas situações de pessoas que supostamente utilizaram documentos de pessoas falecidas, objetivando “burlar” a ordem da vacinação contra a COVID-19, através de matéria divulgada em rede social, a Secretaria de Saúde buscou verificação de fato, visto que não havia sido notificada ou comunicada de tal acontecimento legalmente por nenhum órgão fiscalizador.

 

Após verificação constatou-se que os dois casos tratavam-se de erros de digitação no lançamento das informações no Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações, sendo que:

 

1º Caso-Senhora de 89 anos que possuía nome homônimo (igual) o da pessoa já em óbito, a qual foi lançada a informação de vacina;

 

2º Caso-Senhora de 78 anos que possuía a mesma data de nascimento da pessoa já em óbito, a qual foi lançada a informação de vacina.

 

Salientamos que as duas pessoas vacinadas já estavam no grupo prioritário para imunização na data registrada, sendo este um equívoco no lançamento das informações, o qual já foi verificado e esclarecido.

 

A Secretaria de Saúde de Realeza preza pela total transparência, ética e respeito ao Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a COVID-19, cumprindo criteriosamente o cronograma e protocolo de vacinação do Estado e do Ministério da Saúde, não compactuando com ilegalidade em sentido algum, sendo favorável as investigações que apuram todo tipo fraudes nesse sentido.



Fonte: PREFEITURA DE REALEZA

Leia também

desenvolvido por goutnix.com.br