Sobrinho acusado de matar tio é absolvido em júri em Realeza

sexta-feira, 03 de agosto de 2018 | Policial

O sobrinho acusado de matar o tio a machadadas em 2016 no interior de Realeza foi absolvido durante júri realizado no Fórum nessa sexta-feira (03). 

 

Segundo acusação do Ministério Público (MP), o réu Robson Willian de Jesus no dia 09 de outubro de 2016, um domingo, por volta das 09h30, na residência de familiares na Linha Vila Nova, interior de Realeza, matou seu tio Valdecir Marques de Jesus, popular Ciro, com golpes de machado na cabeça. 

 

Robson estava há cerca de 1 ano de 10 meses preso na Penitenciária Estadual de Francisco Beltrão aguardando julgamento. Segundo ele, agiu em legítima defesa depois de o tio lhe ameaçar com uma faca e tentar abusar sexualmente dele. 

 

O corpo de jurados, composto por cinco mulheres e dois homens, decidiram absolver o réu da acusação de homicídio qualificado, aceitando a legítima defesa. O MP pode recorrer da decisão. 

 

Atuaram no júri, o juiz de Direito da Comarca Christiano Camargo, promotor de justiça Guilherme Brainer Caetano, advogados de defesa Gabriela Kuerten e Fernando José Steimbach.  

 

 

 

Relembre o caso: Homem foi morto com golpes de machado em Realeza 



Fonte: Rádio Clube

Leia também

desenvolvido por goutnix.com.br