Sudoeste terá mais um trecho incluído na proposta de pedágio

terça-feira, 15 de setembro de 2020 | Geral

Um decreto publicado pela presidência da República lista os trechos de rodovias federais paranaenses que estarão na proposta de concessão. O documento é uma formalidade para o leilão das rodovias e inclui um trecho localizado na região Sudoeste.

 

É parte da BR-163, que liga Barracão até a ponte sobre o Rio Iguaçu, em Realeza. Dali em diante, até Guaíra, a rodovia também será concedida para a iniciativa privada. Dentro do Sudoeste, este trecho possui quase 130 km, passando por Santo Antônio do Sudoeste, Pérola do Oeste, Planalto e Capanema. É uma das principais ligações da região de fronteira e rota entre o Extremo Oeste de Santa Catarina com o Oeste do Paraná e Mato Grosso do Sul.

 

Este é o segundo trecho incluído no pacote de novas concessões para o pedágio. O decreto federal não informa sobre as rodovias estaduais, mas o Governo do Estado também pretende incluir o Corredor Sudoeste (PR 280 entre Realeza e Palmas), no leilão. Atualmente, a região não tem nenhuma praça de pedágio e as condições das rodovias são objeto de constantes pedidos de entidades junto aos governos. Nas próximas semanas, a Empresa de Planejamento e Logística (EPL) deve enviar o modelo de edital à Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e Governo do Paraná. Depois, serão feitos ajustes e audiências públicas para explicar os critérios do leilão e a proposta ainda passará pelo crivo do Tribunal de Contas da União (TCU).

 

A publicação dos editais está prevista para março de 2021 e o início da concessão em novembro. Segundo a Gazeta do Povo, o ministro Tarcísio Gomes de Freitas (Infraestrutura) indicou que a concessão deve ser feita às empresas que apresentarem uma combinação entre o maior desconto no valor do pedágio cobrado do usuário e a maior outorga paga à União.



Fonte: JORNAL DE BELTRÃO

Leia também

desenvolvido por goutnix.com.br